A Fisioterapia em Saúde da Mulher no ambiente hospitalar – apenas um esclarecimento

falta_fisio

Nós podemos atuar em todas as divisões que abrangem nossa especialidade, sendo em maternidades no pré e pós-operatório de cirurgias de mama e uroginecológicas atendendo desde UTI, semi-intensivas e puerpério (pós-parto), também em ambientes ambulatórias, e centros hospitalares, principalmente para dar continuidade a um tratamento realizado durante uma internação ou procedimento cirúrgico.

É claro que não estou generalizando, existem hospitais que possuem o serviço de fisioterapia em saúde da mulher, sendo conhecido pela equipe e pacientes, mas infelizmente essa é uma realidade da minoria.

Nosso papel inicial dentro de um hospital é preparar nossas pacientes para a nova realidade que ela irá encontrar dali para frente, independente do motivo de sua internação, nós estamos ali para incentivar, orientar, dar suporte para que ela tenha o máximo de qualidade de vida durante o processo de internação e recuperação, demonstrando que, apesar das dificuldades que possam surgir nos primeiros momentos, seu corpo e mente irão se reabilitar para que elas voltem a ter uma vida normal e tranquila.

E digo isso, pensando em uma gestação de médio/alto risco, (auxiliando no parto), em uma cirurgia de reconstrução vaginal, ou uma “simples” laqueadura, na retirada de uma mama transformada por um câncer.

Ter um fisioterapeuta especialista em saúde da mulher é garantir maior segurança, menor tempo de recuperação e com certeza mais compreensão e humanização para superar uma fase difícil.

É incrível como muita gente não tem ideia de que nós podemos atuar em hospitais e ao chegarmos aos leitos somos olhados como estranhos que entraram no quarto errado e o pior é que chega a ser engraçado, se não fosse triste.

Esse cenário acontece até em maternidades, onde deveríamos ser reconhecidos como parte importante e indispensável da equipe.

Considero a falta de informação e o preconceito os maiores problemas, onde os órgãos públicos e até muitos privados não divulgam nosso trabalho e muitos médicos ainda não abriram suas mentes para a possibilidade de atendermos seus pacientes.

Portanto esse trabalho em equipe para uma recuperação mais rápida e eficaz, depende da prescrição medica e incentivo aos pacientes e hospitais da importância que podemos ter dentro desse meio de trabalho.

Nossa luta é constante e a partir de bons resultados estamos tendo a oportunidade de aparecer e mostrar nosso valor, então, estudantes, colegas e pacientes, procurem se informar!

CursosTopo

2 Comments

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *